Radio Alvorada FM Ao Vivo.

DATA E HORA

PAGINA INICIAL

ATENÇÃO LEITORES:

ATENÇÃO: A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORÃO DEIXA CLARO QUE NÃO SE RESPONSABILIZARA PELOS COMENTÁRIOS POSTADOS NAS MATÉRIAS PUBLICADAS NESTE BLOG, TODOS FICARÃO CIENTES QUE AO PUBLICAREM QUALQUER COMENTÁRIO INADEQUADO OU OFENSIVO, QUE O MESMO SERÁ DE SUA INTEIRA RESPONSABILIDADE. ATENCIOSAMENTE A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORAO.

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Assaltante de Banco do Brasil de Taguatinga-DF é preso no Piauí.

Foi preso na semana passada na cidade de Uruçuí-PI Carlos Eduardo Santos Ribeiro numa ação em conjunto da Polícia Civil do DF e pela Polícia Civil de Uruçuí-PI, comandada pelo Delegado Jarbas Lima. A ação foi sigilosa, pois poderia haver mais comparsas na cidade.
Segundo o Delegado de Uruçuí-PI, Carlos Eduardo é um dos líderes da quadrilha e já tem passagens por tráfico ilícito de entorpecentes e porte ilegal de arma de fogo.
" É uma quadrilha altamente especializada, segundo informações da Polícia do Distrito Federal. Há ainda a suspeita de que a quadrilha estivesse buscando informações para assaltar o Banco do Brasil de Uruçuí, entretanto, ainda estamos investigando isso para saber se essa informação procede ou não. O certo é que a quadrilha esteve aqui por mais de três dias, inclusive utilizando-se de uma criança para não levantar qualquer suspeita sobre sua atuação em Uruçuí".
O Delegado de Polícia disse ainda que Carlos Eduardo é uma pessoa fria e perigosa, tendo planejado o assalto com seus comparsas.
A quantia levada do Banco do Brasil de Taguatinga-DF foi de R$370.000,00(trezentos e setenta mil reais), aproximadamente. Parte desse dinheiro, R$153.000,00(cento e cinquenta e três mil reais) foram recuperados no DF.
" A Polícia Civil do DF nos procurou  dizendo que havia um mandado de prisão contra Carlos Eduardo e de pronto oferecemos auxílio. Conseguimos localizar o suspeito mediante investigações e em menos de 24 horas da permanência dos Policiais de Brasília em Uruçuí-Pi efetuamos a prisão do acusado", disse o Delegado Jarbas, que afirmou que Carlos Eduardo é filho de Uruçuí-PI, mas que mora no DF há cerca de 20 anos.
Há informações que a esposa de Carlos Eduardo também participou do assalto, além do próprio segurança do Banco do Brasil da agência assaltada. Todos foram presos em Brasília-DF.
Carlos Eduardo foi preso na casa de sua mãe, que não sabia de nada. Ele deu vários presentes a familiares, como fogão, geladeira, móveis, forno microondas, celulares, notebook, todos comprados em uma loja de eletrodomésticos em Uruçuí-PI, além de 4 mil reais em dinheiro para familiares, dentre outros objetos. Os objetos foram apreendidos e levados para a Delegacia de Uruçuí-PI. Foram recuperados em torno de R$20 mil reais em objetos e dinheiro com o acusado e com sua família. " Foi uma surpresa para os familiares, pois Carlos Eduardo disse que sua esposa tinha ganho uma indenização na Justiça do Trabalho no valor de R$32.000,00 e que o dinheiro dos presentes foi proveniente dessa indenização", disse o Delegado de Uruçuí-PI.
Em seu depoimento na Delegacia de Uruçuí-PI, Carlos Eduardo disse que gastou parte de seu dinheiro do roubo ao Banco do Brasil com drogas e prostitutas. " Não acreditamos na versão dele", disse o Delegado Jarbas. "Acreditamos que o dinheiro possa estar escondido em algum lugar", completou o Delegado. " É um direito do Carlos Eduardo dar a versão que ele quiser, mas as investigações serão feitas para tentarmos saber onde está o restante do dinheiro", finalizou o Delegado Jarbas.
Fonte: Portal de Uruçuí.
FONTE: http://www.urucuinews.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário