Radio Alvorada FM Ao Vivo.

DATA E HORA

PAGINA INICIAL

ATENÇÃO LEITORES:

ATENÇÃO: A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORÃO DEIXA CLARO QUE NÃO SE RESPONSABILIZARA PELOS COMENTÁRIOS POSTADOS NAS MATÉRIAS PUBLICADAS NESTE BLOG, TODOS FICARÃO CIENTES QUE AO PUBLICAREM QUALQUER COMENTÁRIO INADEQUADO OU OFENSIVO, QUE O MESMO SERÁ DE SUA INTEIRA RESPONSABILIDADE. ATENCIOSAMENTE A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORAO.

sábado, 29 de novembro de 2014

Jornalista Chagas Rabelo: Pagando “mico” em São Paulo.

Quando eu estive em São Paulo, capital, pela primeira vez em 2012, paguei o maior “mico” da minha história dentro de um elevador, prédio onde mora o meu irmão Raimundo Rocha, este mora lá na capital há pelo menos 28 anos.
Quando adentrei no elevador fui logo dando “bom dia” e por incrível que possa parecer, nenhuma pessoa respondeu. De repente, fui repreendido pelo meu irmão que logo retrucou: “Rapaz, aqui não é o Nordeste e nem o Piauí, onde as pessoas se cumprimentam dando bom dia ou boa tarde pra todo mundo, aprenda isso, por favor, aqui, tudo é diferente”.
Foi aí que percebi que além de andarem assustados, os paulistanos não vivem, vegetam. No mesmo dia, cheguei numa lanchonete pra merendar e novamente dei bom dia e nem mesmo o dono do comércio me respondeu.
Aí pensei: meu Deus, como pode uma cidade desse tamanho e cheia de gente tão mal educada?
Até aqui mesmo em Floriano (PI), quando dou um bom dia ou uma boa tarde, não esqueço do “mico” que paguei algumas vezes na capital paulista. Depois eu fiquei a me perguntar: por que as pessoas em São Paulo não costumam cumprimentar os outros? Por que as pessoas andam estressadas?
É por isso que jamais trocarei a minha terra por outra. Aqui, todo mundo se cumprimenta e fala sem ao menos se conhecer. O Piauí é, realmente, o Estado de gente mais hospitaleira e educada do Brasil.
Talvez por causa da criminalidade a capital paulista é cheia de gente assustada e estressada. Daí a falta de educação de algumas pessoas. Infelizmente!
PUBLICADA POR: Alonso Bisorão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário