Radio Alvorada FM Ao Vivo.

DATA E HORA

PAGINA INICIAL

ATENÇÃO LEITORES:

ATENÇÃO: A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORÃO DEIXA CLARO QUE NÃO SE RESPONSABILIZARA PELOS COMENTÁRIOS POSTADOS NAS MATÉRIAS PUBLICADAS NESTE BLOG, TODOS FICARÃO CIENTES QUE AO PUBLICAREM QUALQUER COMENTÁRIO INADEQUADO OU OFENSIVO, QUE O MESMO SERÁ DE SUA INTEIRA RESPONSABILIDADE. ATENCIOSAMENTE A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORAO.

quinta-feira, 26 de março de 2015

Advogados são presos acusados de aplicar golpe contra aposentados em Corrente-PI.

Sete pessoas foram presas na manhã de hoje (26/03/2015), no município de Corrente-PI, Sul do Estado, acusadas de aplicar golpes contra idosos e instituições financeiras na região. Dentre os presos, estão quatro advogados e um funcionário público do Poder Judiciário. As investigações apontam que mais de R$ 1 milhão foram obtidos pelo grupo através do esquema de fraude de empréstimos.
De acordo com o promotor de justiça de Corrente, Rômulo Cordão, que conduziu as investigações, a organização criminosa atuava há cerca de cinco anos em todo o extremo Sul do Piauí prometendo cancelar empréstimos de aposentados, ingressando com ações no Juizado Especial Cível da Comarca de Corrente, enganando as vítimas e as instituições financeiras.
A operação, intitulada Serendipta, foi deflagrada após investigações iniciadas há um ano e três meses e coordenadas pelo Ministério Público em parceria com o Núcleo de Inteligência da Polícia Civil do Estado. A operação é um desdobramento das investigações que culminaram na operação Captação, no dia 5 de outubro de 2014, que resultou na apreensão de mais de R$ 200 mil reais destinados à compra de votos.
Dentre os crimes cometidos pelo grupo, estão o de associação criminosa, crimes contra a Administração Pública, estelionato, fraude processual e tergiversação. Ao todo, foram cumpridos sete mandados de prisão, quatro conduções coercitivas e dez buscas e apreensões. O Poder Judiciário determinou o bloqueio de bens e contas e quebra de sigilo bancário e fiscal de todos os envolvidos.
A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) também já investiga, administrativamente, alguns dos advogados envolvidos no esquema criminoso. A operação contou com o apoio da Delegacia Regional de Polícia de Corrente-PI e do 10º Batalhão de Polícia Militar. Uma coletiva de imprensa está sendo realizada na sede do Ministério Público de Corrente-PI.
PUBLICADA POR: Alonso Bisorão.
FONTE: http://www.suldopiaui.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário