Radio Alvorada FM Ao Vivo.

DATA E HORA

PAGINA INICIAL

ATENÇÃO LEITORES:

ATENÇÃO: A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORÃO DEIXA CLARO QUE NÃO SE RESPONSABILIZARA PELOS COMENTÁRIOS POSTADOS NAS MATÉRIAS PUBLICADAS NESTE BLOG, TODOS FICARÃO CIENTES QUE AO PUBLICAREM QUALQUER COMENTÁRIO INADEQUADO OU OFENSIVO, QUE O MESMO SERÁ DE SUA INTEIRA RESPONSABILIDADE. ATENCIOSAMENTE A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORAO.

quarta-feira, 31 de julho de 2013

Burocracia na Prefeitura de FLORIANO-PI atrasa obras e deixa homens parados.

(Líder sindical José de Tila)
(George Everson)
Muitos homens da construção civil estão parados devidos a problemas burocráticos na Prefeitura de Floriano-PI e segundo Zé Tila o Sistema Nacional de Emprego (SINE) teria colocada na internet que estava precisando de cerca de 200 homens para preenchimento de  vagas na construção, fator que já era esperado, disse.
Ainda de acordo com o líder sindical José de Tila, presidente do Sindicato da Construção Civil e no Imobiliário local até abril passado era para haver a contratação de cerca de 400 homens por meio da Construtora Construir Engenharia, mas não houve.
“Recebi um comunicado do presidente de Construir Engenharia afirmando que iria precisar de 400 homens em abril passado,  mas houve um problema com a Prefeitura e não foi levado a frente o chamamento desse pessoal, então agora estamos esperando e parece que foi resolvido o problema de documentos e acredita-se que por todo o mês de agosto a Construir, a Estrela da Manhã e Construtora Jurema devem voltar as suas atividades. Ou seja, eu acredito que cerca de 1.000 a 1.200 homem devem estar empregados no mercado local a partir do 2° semestre”.
O secretário de Infraestrutura de Floriano-PI, empresário e engenheiro  George Everson (Didi) foi procurado para se manifestar e revelou que o atraso se dá em decorrência do Código de Postura do município que não permite casas geminadas e afirmou, “uma Construtora estava fazendo as casas geminadas, situação que é proibida e ainda com os recuos laterais e frontais que não estavam sendo obedecidos, sendo que no mês de junho algumas obras foram paralisadas e em determinadas situações não estavam sendo retirados os alvarás de construção, portanto houve notificações”.
O secretário afirmou que uma audiência pública foi realizada para prestar esclarecimento e estavam presentes empreiteiros, engenheiros, arquitetos, representantes de construtoras e a partir das discussões muitas coisas devem ser corrigidas, questões que devem ser feitas pela Câmara Municipal de Floriano-PI.
O secretário disse ainda que as providências estão em andamento para que haja algumas adequações, após isso, o prefeito Gilberto Junior deve enviar um projeto para a Câmara para que seja apreciado pelos parlamentares e em seguida votado, isso de acordo com a visão de cada um, contudo, já houve um início de entendimento individual com alguns empreiteiros através um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) no sentido de que os mesmos possam fazer as suas obras com mudanças  que se aproximem do que rege a legislação, ou seja, da realidade e ainda com o compromisso de que não seja feita nenhuma grande obra sem que antes seja consultado o Código de Obras.
George Everson colocou essas informações afirmando que essas discussões foram nos meses de maio e junho e que não houve nenhum problema no mês de julho que está terminando.
O secretário citou no final de entrevista ao piauinoticias.com que 80% das obras de construção de Floriano-PI, estão irregulares e que profissionais ligados a administração vem trabalhando para que essa situação possa mudar.
FONTE: http://piauinoticias.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário