Radio Alvorada FM Ao Vivo.

DATA E HORA

PAGINA INICIAL

ATENÇÃO LEITORES:

ATENÇÃO: A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORÃO DEIXA CLARO QUE NÃO SE RESPONSABILIZARA PELOS COMENTÁRIOS POSTADOS NAS MATÉRIAS PUBLICADAS NESTE BLOG, TODOS FICARÃO CIENTES QUE AO PUBLICAREM QUALQUER COMENTÁRIO INADEQUADO OU OFENSIVO, QUE O MESMO SERÁ DE SUA INTEIRA RESPONSABILIDADE. ATENCIOSAMENTE A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORAO.

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Corpo de Bombeiros discute situação das casas de shows em FLORIANO-PI.

 
Os donos e responsáveis por casas de shows em Floriano-PI tiveram reunidos com membros do Corpo de Bombeiros de Floriano-PI e  estavam presentes os membros da Comissão Técnica do Corpo de Bombeiros do Estado, entre os quais, o major José Veloso que se deslocou de Teresina-PI para essa reunião. O encontro foi na Camara de Vereadores e contou com o vereador Manoel Simplício, presidente do poder, outros parlamentares e ainda representante da Prefeitura local.
Apesar de algumas casas estarem tendo eventos com  grande concentração de público, as casas de eventos e shows da cidade, continuam  interditada.  Na reunião que houve no prédio da Câmara Municipal na noite dessa segunda-feira estavam ainda donos de bandas musicais que são proprietários de casas de shows.
De acordo com o Major José Veloso cada caso é analisado de maneira diferente, sendo que em determinados locais no caso de tumulto a evacuação deve ser em apenas um  minuto. “Quando no local há cobrança de ingresso o caso começa a se complicar um pouco mais, porque é necessário que haja uma  evacuação o mais rápido possível, para se ter uma ideia, se o local é tipo Boate (fechada) a evacuação deve ser em apenas um  minuto, mas se o local não tem cobertura, ou seja, é aberto o tempo de evacuação aumenta para seis minutos”, explica.
Um novo encontro deve haver, após um  pedido dos donos das casas de shows e grandes eventos para que se possam prestar novos esclarecimentos e em seguida serem  feitas algumas adequações, disse o major BM, acrescentando que uma outra definição deve ser por meio da legislação e não há como fugir da lei, pois a mesma tem  que ser cumprida e que faz esse cumprimento da mesma é o  Corpo de Bombeiros.
A reunião foi provocada pelos próprios donos de locais de eventos e ainda aquelas pessoas que estão na organização e produções de shows. O promotor Arimatéia Dourado Leão, representante do Ministério Público estava acompanhando as discussões.  “Nós viemos para ver o posicionamento do Corpo de Bombeiros que através dos seus integrantes está cumprindo a Legislação e os estabelecimentos devem apresentar realmente seus projetos, quanto ao sistema de pânico e incêndio”, disse o promotor que vem acompanhando as reuniões referentes aos locais de concentração pública.
FONTE: http://piauinoticias.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário