Radio Alvorada FM Ao Vivo.

DATA E HORA

PAGINA INICIAL

ATENÇÃO LEITORES:

ATENÇÃO: A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORÃO DEIXA CLARO QUE NÃO SE RESPONSABILIZARA PELOS COMENTÁRIOS POSTADOS NAS MATÉRIAS PUBLICADAS NESTE BLOG, TODOS FICARÃO CIENTES QUE AO PUBLICAREM QUALQUER COMENTÁRIO INADEQUADO OU OFENSIVO, QUE O MESMO SERÁ DE SUA INTEIRA RESPONSABILIDADE. ATENCIOSAMENTE A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORAO.

sábado, 11 de janeiro de 2014

Por dívida de R$ 8 milhões, O Piauí recusa atender pacientes com câncer do Maranhão.

 
 
Noé Fortes-PIRicardo Mourad-MA.  
A reportagem do Bom Dia Brasil da TV Globo, mostrou como forte crítica à Prefeitura de Teresina-PI e ao governo do Estado do Maranhão, a situação vivida por pacientes que vem do vizinho estado para receber atendimentos médicos.
Até pacientes com câncer, que não tem condição de recorrer à capital maranhense, estão sendo recusados pelos hospitais da capital piauiense depois que o atendimento a esses pacientes foi suspenso, segundo a prefeitura de Teresina-PI, por conta de uma dívida no valor de R$ 8 milhões.
O repórter Edgar Neto mostrou o caso de dona Corina, que descobriu ter câncer de mama há três meses, e procurou o hospital São Marcos em Teresina-PI, acabou voltando para casa sem atendimento. Moradora da cidade de Caxias-MA, a senhora tem como opção mais próxima de tratamento especializado, já que São Luis, cidade que poderia buscar em seu estado, é distante quase 370 km.
Dona Corina é de Caxias e descobriu a pouco que tem câncer de mama.
Desde o dia 1º de janeiro de 2014, o Hospital São Marcos que é especializado em tratamento contra o câncer no Piauí, e atende pelo SUS (Sistema Único de Saúde), não atende mais pacientes vindos do Maranhão. Das quase 3.500 pessoas atualmente em tratamento, 500 são do estado vizinho, quase 15%. A medida tomada no final do ano passado de 2013 atinge os novos pacientes.
Hospital São Marcos atende pelo SUS e é especializado em tratamento contra o câncer.
Segundo a reportagem, um acordo entre o governo do Maranhão e a prefeitura de Teresina-PI firmado em 2010, prevê um repasse de R$ 300 mil por mês para garantir o atendimento destes pacientes com câncer oriundos de 39 municípios maranhenses.
Mulher voltou para casa sem conseguir ser atendida.
Em entrevista à reportagem, o secretário de Saúde de Teresina-PI, Noé Fortes, explicou que duas tentativas de retomada do acordo foram feitas, mas que o Maranhão insiste em não reconhecer a dívida. Do outro lado, o secretário de Saúde do Maranhão, Ricardo Mourad, afirma que os municípios querem fazer a compensação apenas dos pacientes encaminhados pelo serviço de saúde.
E foi esta recusa no atendimento que fez com que pacientes promovessem um protesto em frente à Defensoria Pública da União nesta semana. Alguns com dificuldades para caminhar por conta do estado de saúde mostravam guias de encaminhamento do estado do Maranhão, e reclamavam da falta de “humanidade e responsabilidade para com a saúde pública de ambos os estados”.
Pacientes em estado de saúde grave mostram guias de encaminhamento.
Ao final, o apresentador do Bom Dia Brasil, Chico Pinheiro ainda indagou: “Falta de respeito com os doentes, com os contribuintes que pagam impostos. Agora eu não entendi a governadora [Roseana Sarney] não disse que os problemas do Maranhão é que o estado é rico?”
Apresentador critica postura dos dois estados, inclusive a governadora Roseana Sarney.
Com informações de Apoliana Oliveira.
FONTE: http://portalcidadeluz.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário