Radio Alvorada FM Ao Vivo.

DATA E HORA

PAGINA INICIAL

ATENÇÃO LEITORES:

ATENÇÃO: A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORÃO DEIXA CLARO QUE NÃO SE RESPONSABILIZARA PELOS COMENTÁRIOS POSTADOS NAS MATÉRIAS PUBLICADAS NESTE BLOG, TODOS FICARÃO CIENTES QUE AO PUBLICAREM QUALQUER COMENTÁRIO INADEQUADO OU OFENSIVO, QUE O MESMO SERÁ DE SUA INTEIRA RESPONSABILIDADE. ATENCIOSAMENTE A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORAO.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Floriano-PI registra 313 casos de calazar em menos de dois anos.

 
A Vigilância Sanitária no município de Floriano-PI, na região Sul do estado, vem registrando muitos casos de leishmaniose, doença mais conhecida como calazar. De acordo com o diretor do Centro de Zoonoses, José Rocha, somente entre os anos de 2013 e 2014 foram registrados 313 casos da doença. Desse total, 10 ocorrências foram em humanos e o restante em cachorros.
“Desses casos humanos sete são daqui de Floriano-PI, onde ocorreu até um óbito, e tivemos dois casos importados de Teresina-PI e um do Maranhão”, informou o diretor. A moléstia que atinge cães e humanos que tenham contato com o animal infectado é transmitida através da picada do “mosquito-palha” e tem preocupado as autoridades de saúde do município. 
A maior parte dos animais diagnosticados com a doença é sacrificada, pois o tratamento é considerado caro e quase nunca tem efeitos positivos. Já em humanos o diagnóstico precoce é crucial para obter a cura. “É uma doença que produz alterações graves no sistema imunológico, então a pessoa começa a ter anemia, fraqueza, febre, calafrios e indisposição. Ela precisa ser tratada adequadamente”, disse o médico infectologista Luimar de Jesus.
Segundo ele, os efeitos da doença são mais graves em crianças e idosos. Manter o mosquito transmissor afastado é a principal medida para evitar a doença. Preservar a casa e os quintais sempre limpos é uma das medidas mais recomendadas, pois o mosquito está principalmente em locais úmidos, escuros e sem saneamento básico.
Cliquem AQUI e vejam o que é calazar.
PUBLICADA POR: Alonso Bisorão.
FONTE: http://g1.globo.com/pi

Nenhum comentário:

Postar um comentário