Radio Alvorada FM Ao Vivo.

DATA E HORA

PAGINA INICIAL

ATENÇÃO LEITORES:

ATENÇÃO: A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORÃO DEIXA CLARO QUE NÃO SE RESPONSABILIZARA PELOS COMENTÁRIOS POSTADOS NAS MATÉRIAS PUBLICADAS NESTE BLOG, TODOS FICARÃO CIENTES QUE AO PUBLICAREM QUALQUER COMENTÁRIO INADEQUADO OU OFENSIVO, QUE O MESMO SERÁ DE SUA INTEIRA RESPONSABILIDADE. ATENCIOSAMENTE A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORAO.

segunda-feira, 22 de junho de 2015

Denúncia de más condições de chafariz na zona rural de FLORIANO-PI.

A situação do chafariz da comunidade Rio Branco, localidade da zona rural de Floriano-PI, sentido Nazaré do Piauí, é de causar espanto. Nessa última semana a dona de casa Nazaré Avelino numa entrevista ao piauinoticias fez denúncias das condições do logradouro público.
Ela afirma que para as donas de casa lavar roupa tem que sair das suas casas pela madrugada, pois somente existe uma pedra e essa está quebrada.  “Pra gente lavar roupas é necessário que saia de madrugada de casa, pois só tem uma pedra, só tem um lugarzinho para lavar roupas, não tem providências lá, de jeito nenhum”, disse à moradora que também fez colocações sobre o forro do Posto de Saúde do local.
“O forro do Posto de Saúde do Rio Branco está para cair, se tivermos dentro do Posto e de repente vem um vento temos que sair porque ficamos com medo dele cair por cima da gente. A enfermeira do posto tem medo e a sala dos médicos está tudo do mesmo jeito, caindo tudo”, disse a dona de casa que concluiu, “e, em relação à lavanderia não tem nada, está a pior sujeira”.
OUTRO LADO.
O piauinoticias procurou a Prefeitura de Floriano-PI para se manifestar sobre a denúncia da dona da casa e quem se posicionou foi o Paulo Henrique, que integra a pasta do Desenvolvimento Rural e que é técnico responsável pela manutenção dos chafarizes. Ele fez alguns esclarecimentos.
Paulo disse que não recebeu denúncia sobre o chafariz do Rio Branco, mas que sabe das dificuldades existentes nesses locais onde as pessoas procuram para pegar água e ainda lavar roupas e acrescentou, “nós não temos essa reclamação, mas a nossa equipe continua trabalhando a todo vapor e sempre que temos informações sobre alguns problemas procuramos solucioná-los da forma mais rápida possível”.
Paulo Henrique citou que tentará ver o problema e deixou um alerta, que nesses casos as pessoas da comunidade procurem direto a Secretaria para falar dos problemas, pois em pouco tempo elas serão atendidas e os problemas, certamente,  enfatizou ele, serão resolvidos conforme a sua situação. Ele colocou que no horário das 7:30h da manhã as 13:30h sempre há alguém na secretaria para anotar essas reclamações.
E mais, que estará repassando as cobranças da dona Nazaré ao secretário Edvaldo Araújo, da pasta do Desenvolvimento Rural para que o mesmo possa avaliar o caso e tomar as providências cabíveis. Ele disse que não está se comprometendo em resolver de imediato, pois existem outras situações mais delicadas, no entanto, que o problema será visto analisado com toda atenção.
Cliquem AQUI e vejam a matéria completa.
PUBLICADA POR: AlonsoBisorão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário