Radio Alvorada FM Ao Vivo.

DATA E HORA

PAGINA INICIAL

ATENÇÃO LEITORES:

ATENÇÃO: A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORÃO DEIXA CLARO QUE NÃO SE RESPONSABILIZARA PELOS COMENTÁRIOS POSTADOS NAS MATÉRIAS PUBLICADAS NESTE BLOG, TODOS FICARÃO CIENTES QUE AO PUBLICAREM QUALQUER COMENTÁRIO INADEQUADO OU OFENSIVO, QUE O MESMO SERÁ DE SUA INTEIRA RESPONSABILIDADE. ATENCIOSAMENTE A DIREÇÃO DO BLOG ALONSOBISORAO.

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Vereador José Leão cita sobre débito que teria sido deixado por Joel Rodrigues.

A  Câmara Municipal de Floriano-PI passa a estudar uma solicitação do prefeito de Floriano-PI, Gilberto Junior (PSB), que se refere ao parcelamento de um débito no valor de R$ 6.178.580,07 do Instituto de Previdência Municipal que teria sido deixado pela gestão anterior que tinha o comando do petebista Joel Rodrigues.
As informações sobre a solicitação foram repassadas ao piauinoticias.com pelo vereador e ex-prefeito José Leão, lider do PSD local. Ainda de acordo com o vereador o valor em aberto corresponde ao período de 2007 a 2012.
Nas suas explicações o parlamentar que faz parte da base governista afirma que se o atual gestor não fizer esse parcelamento o município estará entrando em dificuldades e terá alguns obstáculos para realizar determinados convênios com os ministérios e com algumas instituições e colocou mais, “é um  valor significativo e talvez se o prefeito não tivesse encontrado esse valor de R$ 6 milhões em débito do Fundo de Previdência Municipal, certamente não seria necessário ele fazer esse pedido de empréstimo de R$ 7 milhões para aquisição de equipamentos que serão utilizados para melhoria urbana da nossa cidade, ou seja, para investimento numa máquina para construção de asfalto, equipamentos auxiliares e para veículos que farão o transportes de lixo da nossa cidade”. Ainda segundo o vereador José Leão, o débito deixado pela administração anterior é exorbitante e isso é somente de uma fonte, sem se falar em outros débitos que segundo o prefeito Gilberto, explica Jose Leão,  gira em torno dos 20 milhões de reais.
Sobre aprovação dos R$ 7 milhões, projeto aprovado pela grande maioria dos vereadores, valor que será tomado pela Prefeitura junta a uma instituição financeira, o ex-prefeito e vereador falou que a Câmara foi muito sensata em votar a autorização para que o empréstimo seja realizado.
Ainda sobre o Fundo, o ex-prefeito Leão explica que quando deixou a gestão municipal entregando o comando da Prefeitura ao gestor Joel Rodrigues, hoje ex-prefeito, não havia ficado nenhum débito com relação ao Instituto. “Lamentamos essa situação, mas o prefeito Gilberto não  tinha outra alternativa a não ser fazer o parcelamento que deve ser em 60 meses e 240 meses, sendo que em 60 meses é a parte dos empregados, ou seja, recursos que ele (Joel) recebeu e não contribuiu, não repassou e o restante é da área patronal”, finaliza.
O piauinoticias.com entrou em contato com o ex-prefeito Joel Rodrigues (PTB), via telefone, e esse afirmou que estava saindo de viagem, fato ocorrido agora a pouco, mas que deve dar uma resposta sobre o conteúdo colocado pelo vereador e ex-prefeito José Leão.
FONTE: http://piauinoticias.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário